Catedral N.Srª. do Líbano em São Paulo

Catedral Nossa Senhora do Líbano em São Paulo
Pároco: Padre charbel khoury  hanna
Rua Tamandaré, 355 - Liberdade
cep 01525-001 São Paulo -SP
Tel. (11) 3208.2904 - Fax (11) 3208.6536

Email: marc.l.hanna@gmail.com

A paróquia Nossa Senhora do Líbano em São Paulo foi a primeira paróquia Maronita no Brasil. O primeiro pároco foi o Padre Yacoub Saliba que veio de Miziára, norte do Líbano, e chegou em São Paulo no início dos anos de 1890. A paróquia situava-se então no atual Parque Dom Pedro; foi destruída por motivo de urbanismo. Padre Yacoub fundou no dia de São Maron, 9 de fevereiro de 1897, a Sociedade Maronita de Beneficência, sendo a primeira Sociedade oriental no Brasil. Em 1905 o padre Yacoub criou a primeira escola para crianças libanesas e outras orientais, brasileiras e de outras raças. A escola tornou-se em pouco tempo famosa e conhecida como a "Escola do padre Yacoub". Padre Yacoub faleceu em São Paulo no dia 3 de abril de 1929, sendo sepultado no cemitério da Consolação.


   

Antigo Altar - Desde sua fundação até a reforma em 2014

Em 1954 chegaram ao Brasil procedente do Líbano, a pedido da Santa Sé, três padres da Ordem Libanesa Maronita: Basílio Azar, Francis Nasr e Bernardo Azzi, para exercerem o serviço paroquial em SãoPaulo. Aos três padres, ajuntou-se o Padre Simon Awad, ficaram responsáveis pela paróquia até 1968. Durante esse tempo foi construída a atual Igreja Nossa Senhora do Líbano, na rua Tamandaré, 355. Ao chegar ao Brasil, Dom Francis Zayek escolheu esta Igreja para ser sua Catedral. Em 1968, ao chegar em São Paulo, Dom João Chedid retirou a paróquia das mãos dos padres libaneses e chamou os padres da sua Ordem Mariamita (ex alepina).



Em 1990, ao chegar em São Paulo, Dom Joseph Mahfouz foi avisado que os padres mariamitas foram transferidos do Brasil; chamou então novamente os padres da sua Ordem Libanesa Maronita, ao Brasil onde já possuíam uma missão em Campinas,SP, onde o padre Francis Nasr atendia os patrícios ali residentes. Construiu um Santuário dedicado a São Charbel, cuja canonização ocorrera no dia 9 de outubro de 1977. A partir do ano 2000, os padres da Ordem Maronita Libanesa não prestam mais serviços paroquiais em São Paulo, e começaram os sacedotes diocesanos de Jbeil (Byblos) a virem aqui, mandados pelo Arcebispo Dom Bechara El-Raï. De 2001 até 2004 serviu o Pe Jean-Pierre El-Khoury, e agora, desde 2005 é o Pe Michel Sakr quem esta aqui como Paroco.Desde a Posse de Dom Edgard Madi no dia 10 de dezembro de 2006 até hoje foi acrescentada a presença do Pe Emile Eddé, MLM e do Padre Sleiman Eid na Catedral Maronita.

Horário das Missas:

De segunda-feira a sábado: às 8:00h em português.

Terça, Quarta, Sexta e sábado: às 18:00h em português

Com a Canção nova: Segunda: às 20:00h e Quinta às 16:30h

Domingos: 9:00 e 18:30 h em português, e às 11:30 h em árabe.


 

Reprodução de conteúdo autorizada desde que citada fonte
Eparquia Maronita do Brasil